Itamaraty não concretiza promessa de Bolsonaro de isentar chineses de visto

O Ministério das Relações Exteriores se limitou a dizer que “a área técnica do ministério estuda a medida”, mas não há indícios disso
09 de Diciembre de 2019
Actualizado: 09 de Diciembre de 2019

Por Cláudio Humberto, Diário do Poder

Durante a visita a China, em outubro, o presidente Jair Bolsonaro prometeu que os chineses ficariam isentos de pedidos de visto para visitar o Brasil. Mas até agora nada andou, nem sequer uma comissão foi constituída para estudar a proposta. À época, o governo informou que não havia data definida para a medida. Os diplomatas não gostam da ideia. Veem a questão dos vistos sob o aspecto da reciprocidade.

O Ministério das Relações Exteriores se limitou a dizer que “a área técnica do ministério estuda a medida”, mas não há indícios disso.

Atualmente, turistas brasileiros podem permanecer em território chinês até três dias sem visto, caso estejam em trânsito.

Atualmente, 60 mil chineses visitam o Brasil por ano. Mas 141 milhões de chineses viajam ao exterior anualmente, segundo a Embratur.

Done a The Epoch Times

Cómo puede usted ayudarnos a seguir informando

¿Por qué necesitamos su ayuda para financiar nuestra cobertura informativa en Estados Unidos y en todo el mundo? Porque somos una organización de noticias independiente, libre de la influencia de cualquier gobierno, corporación o partido político. Desde el día que empezamos, hemos enfrentado presiones para silenciarnos, sobre todo del Partido Comunista Chino. Pero no nos doblegaremos. Dependemos de su generosa contribución para seguir ejerciendo un periodismo tradicional. Juntos, podemos seguir difundiendo la verdad.

TE RECOMENDAMOS