Operação na Ucrânia prende um dos líderes do Estado Islâmico

Por EFE
15 de Noviembre de 2019
Actualizado: 15 de Noviembre de 2019

Kiev, 15 nov – Um dos líderes do grupo jihadista Estado Islámico (EI), o georgiano Al Bara Shishani, foi detido nos arredores de Kiev em uma operação conjunta das forças de segurança ucranianas, georgianas e da CIA.

Shishani, um dos comandantes do EI na província síria de Latakia de 2012 a 2016, foi preso perto da casa onde residia, explicou o Serviço de Segurança da Ucrânia em comunicado.

“As investigações policiais confirmaram que o estrangeiro detido é realmente o líder do Estado Islâmico procurado”, diz a nota oficial.

O detido, que deixou a Síria com destino à Turquia em 2016, cruzou no ano passado a fronteira ucraniana com um passaporte falso. Depois, se dedicou a coordenar as ações de uma das células do EI, conhecida como Amniativ.

Entre 2013 e 2016, o extremista georgiano atuou como número 2 de Abu Omar al-Baghdadi, líder do grupo que morreu em combate há três anos. As forças de segurança ucranianas investigam agora se Shishani cometeu algum crime no país.

TE RECOMENDAMOS