Retiram sanguessuga viva de quase 8 centímetros da garganta de uma criança depois de tossir sangue

Acredita-se que o menino tenha ingerido a enorme sanguessuga depois de beber água no córrego da montanha
Por Jesús de León
02 de Septiembre de 2019
Actualizado: 02 de Septiembre de 2019

Uma sanguessuga viva de 7,62 cm foi retirada da garganta de uma criança na segunda-feira (23) na China, depois que a criança começou a tossir sangue.

A sanguessuga viva foi extraída após ficar ali por pelo menos dez dias e fazer com que a criança tossisse sangue, informou o Daily Mirror.

O garoto, cuja idade não foi divulgada, teria engolido o anelídeo durante as férias em sua casa, localizada em uma área rural da província de Guizhou, no sudeste do país.

Posteriormente, seu pai, identificado com o apelido Pan, lembrou que a criança brincava nas montanhas perto de sua casa e que em certo momento percebeu que havia começado a sofrer ataques de tosse.

Esses ataques eram frequentemente acompanhados de sangue.

Acredita-se que o menino tenha ingerido a enorme sanguessuga depois de beber água no córrego da montanha.

Os médicos locais não puderam tratar a criança e, na segunda-feira, ele foi transferido para o Hospital Maternidade e Atendimento Infantil em Guiyang, na capital da província.

O Dr. Sun Yongfeng, vice-diretor de Medicina Respiratória do centro, logo descobriu a causa do desconforto da criança. No vídeo que mostramos acima, pode-se ver a extração da sanguessuga.

Médico remove um verme do nariz de uma menina

Em uma história relacionada, em janeiro soube-se que uma menina de seis anos tinha um verme preto de 7,3 cm dentro do nariz, que foi extraído pelo médico.

De acordo com relatos da mídia, a garota vietnamita de Phin Ngan, perto da fronteira com a China, começou a reclamar de desconforto em sua região nasal.

Seus pais a levaram ao hospital, onde ela fez diferentes exames para descobrir o que estava errado.

Uma vez descoberta a causa, o médico decidiu extrair a pequena criatura que encontrou mediante os exames realizados.

Um vídeo compartilhado nas redes sociais mostra exatamente o momento em que o verme é extraído. O médico otorrinolaringologista removeu uma pequena criatura semelhante a uma sanguessuga do nariz da menina.

Mais recentemente, em maio, um passageiro de avião foi multado em US$ 15 mil por carregar milhares de sanguessugas em sua bagagem de mão.

O Tribunal de Justiça de Ontário multou Ippolit Bodounov em US$ 11.120 em 24 de maio, depois de ele ser pego tentando transportar 5.000 sanguessugas vivas da Rússia para o Aeroporto Internacional Pearson em Toronto, Canadá, em outubro de 2018.

O homem se declarou culpado de violar a Lei de Proteção e Regulamentação do Comércio Internacional e Interprovincial de Animais e Plantas Silvestres, que aplica a Convenção sobre Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas de Fauna e Flora Selvagens (CITES) no Canadá.

Bodounov foi acusado de importar ilegalmente uma espécie regulamentada e, como não tinha permissão para importar sanguessugas medicinais, recebeu ordem de entregá-las. Ele também foi proibido de importar, exportar e possuir qualquer animal regulamentado pela CITES durante os próximos 12 meses.

Done a The Epoch Times

Cómo puede usted ayudarnos a seguir informando

¿Por qué necesitamos su ayuda para financiar nuestra cobertura informativa en Estados Unidos y en todo el mundo? Porque somos una organización de noticias independiente, libre de la influencia de cualquier gobierno, corporación o partido político. Desde el día que empezamos, hemos enfrentado presiones para silenciarnos, sobre todo del Partido Comunista Chino. Pero no nos doblegaremos. Dependemos de su generosa contribución para seguir ejerciendo un periodismo tradicional. Juntos, podemos seguir difundiendo la verdad.

TE RECOMENDAMOS