Asteroide gigante passa hoje próximo à Terra

Por Epoch Times
28 de Agosto de 2019 Actualizado: 29 de Agosto de 2019

Um asteroide de bom tamanho, o 2011 OU1, com 76 por 150 metros de diâmetro, está passando hoje, 28 de agosto de 2019, perto do nosso planeta, mais precisamente a menos de três luas de distância, enquanto é monitorado por astrônomos.

Este corpo rochoso foi observado pela primeira vez em 25 de julho de 2019, quando se aproximava da Terra em sua rotação ao redor do Sol.

O asteroide viaja a 13 quilômetros por segundo de velocidade, de acordo com o registro de Near Earth Object (NEO) da Estação Espacial Européia (ESA).

É considerado um Objeto Próximo à Terra (NEO), cuja lista inclui cometas e asteroides que foram empurrados pela atração gravitacional de planetas próximos para órbitas que lhes permitem entrar na vizinhança da Terra.

A órbita do asteroide o aproxima da Terra em 28 de agosto de 2019 (NEO / JPL / NASA)

A aproximação máxima do asteroide OU1 de 2019 com relação à Terra será às 10:36, de 28 de agosto de 2019, quando fica a pouco mais de um milhão de quilômetros de distância, informa o arquivo NEO da NASA. É uma medida segura durante o curso.

Às 18:48 de hoje, porém, terá sua aproximação máxima à Lua, a uma distância similar.

Depois, este corpo rochoso seguirá uma órbita que o levará para uma distância mais longe do que o planeta Marte.

Nenhuma nova abordagem para o asteroide 2019 OU1 é esperada para a Terra até 2080, de acordo com o Laboratório de Propulsão da NASA.

Acredita-se que os asteroides rochosos que orbitam perto da Terra se formaram no sistema solar interior entre as órbitas de Marte e Júpiter. Eles são os fragmentos remanescentes da aglomeração inicial dos planetas internos que incluem Mercúrio, Vênus, Terra e Marte.

TE RECOMENDAMOS