Com baixa umidade, desfile em Brasília requer cuidados com a saúde

Quem pretende ir à cerimônia na Esplanada dos Ministérios amanhã deve adotar medidas para mitigar o calor
Por JONAS VALENTE, AGÊNCIA BRASIL
07 de Septiembre de 2019
Actualizado: 07 de Septiembre de 2019

Normalmente, a cerimônia de celebração da Proclamação da Independência, em Brasília, ocorre durante um período bastante seco, no fim da estação sem chuvas na capital. Mas o evento de amanhã (7) vai movimentar a Esplanada dos Ministérios em meio a um estado de emergência em razão da baixa umidade. Neste clima, especialistas recomendam cuidados a quem for acompanhar o desfile programado.

Seca em Brasília (Marcello Casal jr/Agência Brasil)
Seca em Brasília (Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Ontem(5) a Defesa Civil do Distrito Federal decretou estado de emergência em razão da baixa umidade, que chegou nos últimos dias a menos de 10%. Neste clima, há diversos riscos à saúde, como doenças respiratórias (rinite e sinusite) e também a possibilidade de variações na pressão arterial, o que pode impactar o bem-estar e gerar a necessidade de repouso.

“É o sistema respiratório que sofre mais. Rinite, sinusite, pneumonia e outras [doenças] decorrentes do processo inflamatório nas vias aéreas. Além deste ar muito seco, temos presença de fumaça o que possibilita desenvolvimento de problemas alérgicos respiratórios”, ressalta o pneumologista e membro da Sociedade Brasileira de Pneumonia e Tisiologia (SBPT), Carlos Viegas.

Cuidados

Com baixa umidade e calor em alta, os participantes do desfile devem tomar alguns cuidados no evento. O primeiro e mais conhecido é manter a hidratação.. Segundo o subsecretário da Defesa Civil do DF, coronel Sérgio Bezerra, o ideal seria ingerir pelo menos três litros de água, mas como em geral as pessoas não bebem essa quantidade, o esforço seria de consumir pelo menos dois litros do líquido.

No desfile, além do abastecimento que será disponibilizado pela companhia local (Caesb), Bezerra orienta que as pessoas levem garrafinhas e reponham de hora em hora para manter a hidratação. O coronel acrescenta que é preciso uma atenção especial com crianças e idosos, que muitas vezes dependem dos familiares para o consumo de água.

Para além da hidratação, quem pretende ir à cerimônia na Esplanada dos Ministérios amanhã deve adotar medidas para mitigar o calor. O coronel Sérgio Bezerra sugere optar por roupas leves, usar chapéus ou bonés e não abrir mão do protetor solar. Além disso, o uso de objetos para dificultar o acesso dos raios solares pode ser um reforço importante.

Done a The Epoch Times

Cómo puede usted ayudarnos a seguir informando

¿Por qué necesitamos su ayuda para financiar nuestra cobertura informativa en Estados Unidos y en todo el mundo? Porque somos una organización de noticias independiente, libre de la influencia de cualquier gobierno, corporación o partido político. Desde el día que empezamos, hemos enfrentado presiones para silenciarnos, sobre todo del Partido Comunista Chino. Pero no nos doblegaremos. Dependemos de su generosa contribución para seguir ejerciendo un periodismo tradicional. Juntos, podemos seguir difundiendo la verdad.

TE RECOMENDAMOS