Trump anuncia tarifas sobre aço e alumínio do Brasil e Argentina

Por ZACHARY STIEBER
02 de Diciembre de 2019 Actualizado: 02 de Diciembre de 2019

Brasil e Argentina terão que enfrentar tarifas dos Estados Unidos em aço e alumínio, anunciou o presidente Donald Trump no início de dezembro.

“O Brasil e a Argentina têm presidido uma desvalorização maciça de suas moedas, o que não é bom para nossos produtores. Portanto, com efeito imediato, restaurarei tarifas sobre todo o aço e alumínio que são enviados desses países para os Estados Unidos”, escreveu Trump no Twitter.

As tarifas desses países foram aplicadas em março de 2018, mas foram eliminadas cinco meses depois.

Ambos os países, especialmente o Brasil, foram considerados aliados dos Estados Unidos durante a presidência de Trump.

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse na segunda-feira que discutirá tarifas com seu ministro da Economia, que por sua vez poderá discuti-las com Trump. “Se necessário, também posso falar com Trump, tenho um canal aberto com ele”, disse ele.

Trump vem implementando ou tentando aplicar tarifas a vários países, numa tentativa que descreve como reequilibrar um desequilíbrio comercial injusto.

Trump disse repetidamente que outros países exploram injustamente os Estados Unidos há anos e que as tarifas são uma maneira de combater isso.

Em outra mensagem na segunda-feira de manhã, Trump disse: “Os mercados dos Estados Unidos aumentaram 21% desde o anúncio das tarifas em 03/01/2018 e os Estados Unidos estão recebendo enormes quantias de dinheiro (e dando algo aos nossos produtores, que foram alvo da China)! ”

******

Assista também:

Nero da China

TE RECOMENDAMOS