Witzel diz que vai pedir à ONU que equipare facções brasileiras à Al-Qaeda

Governador do Rio considera facções brasileiras tão radicais quanto grupos terroristas
Por Michael Caceres, Gospel Prime
03 de Octubre de 2019
Actualizado: 03 de Octubre de 2019

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), afirmou que tem intenção de pedir ajuda ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) para dificultar a entrada no Brasil de armas usadas por facções criminosas.

Witzel pretende que a ONU equipare facções como Comando Vermelho (CV) e Primeiro Comando da Capital (PCC) à organização terrorista Al-Qaeda.

“Em 2017, a ONU editou uma resolução por unanimidade para reduzir, eliminar o envio de armas a grupos terroristas. O que diferencia o Comando Vermelho do grupo Isis (sigla usada para identificar o Estado Islâmico)? O que diferencia o PCC do grupo terrorista Al-Qaeda?”, questionou o governador do Rio.

Ele acredita que essas facções são tão radicais como os terroristas e que não têm escrúpulos, pois utilizam os mais pobres para fortalecer suas ações criminosas e destroem famílias.

“São facções que não têm escrúpulos, cooptando os pobres para a morte e destruindo as famílias nas comunidades. É por isso que eu disse recentemente que nós precisamos levar ao Conselho de Segurança da ONU a mesma responsabilidade que temos de enfrentar o terrorismo”, afirmou o governador durante discurso na Assembleia Legislativa.

Done a The Epoch Times

Cómo puede usted ayudarnos a seguir informando

¿Por qué necesitamos su ayuda para financiar nuestra cobertura informativa en Estados Unidos y en todo el mundo? Porque somos una organización de noticias independiente, libre de la influencia de cualquier gobierno, corporación o partido político. Desde el día que empezamos, hemos enfrentado presiones para silenciarnos, sobre todo del Partido Comunista Chino. Pero no nos doblegaremos. Dependemos de su generosa contribución para seguir ejerciendo un periodismo tradicional. Juntos, podemos seguir difundiendo la verdad.

TE RECOMENDAMOS